Dor área Lombar

Zona Lombar

A zona lombar é atreita a lesões e tensões musculares. É uma região pilar do nosso corpo, sujeita a fricções, a tensões e a impactos bruscos que podem provocar contracturas e distensões nos músculos locais.

Estas dores musculares lombares são bastante habituais e podem surgir de repente, no seguimento de algum movimento abrupto ou após o levantamento de alguma carga demasiado pesada. Quando isto acontece, verificando-se uma repentina dor lombar intensa, os médicos definem a situação como um lumbago. E se as dores musculares se estenderem no tempo por alguns meses, consideram que estamos perante uma lombalgia crónica, sendo que as consequências do problema poderão persistir por muito tempo.

Como lidar com tamanha agonia

Estas dores musculares lombares podem ser bastante intensas e afetar, além da zona dorsal ou dos rins, a pélvis e os glúteos. Quando assoladas por este tipo de desconforto, as pessoas poderão ficar praticamente imóveis, fruto das fortes dores. A contratura muscular sentida é, no fundo, uma forma de auto-defesa e de proteção do corpo que procura garantir a absoluta ausência de movimento, de modo a que a área se recupere plenamente.

O repouso é, de facto, o melhor remédio para este tipo de casos. Descansar a área lesionada é fundamental, sendo urgente que se garantam as melhores condições nesse sentido, nomeadamente criando o suporte mais adequado para manter a zona lombar numa posição equilibrada e que não cause qualquer tensão muscular na zona.

Se muito intensas e insuportáveis, as dores podem ser amenizadas com a tomada de analgésicos e anti-inflamatórios e com a aplicação de um relaxante muscular e de sprays musculares. Executar massagens aquando da aplicação dos cremes e pomadas específicos para estas situações, é uma excelente forma de promover o relaxamento dos músculos.

Recorrer a compressas quentes ou a emplastros é também uma boa alternativa para aliviar as dores musculares.

Nas situações mais graves, utilizar uma cinta ortopédica poderá ser aconselhável, de modo a garantir um maior apoio para a área. Nestes casos, é sempre recomendável que consulte o seu médico para apurar se não terá que realizar exames para verificar se há algum problema maior por trás dessa desconfortável dor muscular lombar.

Atenção às doenças renais

Quando as dores musculares lombares se situam mais próximo da região dorsal, é importante que tenha atenção à possibilidade de estar em face de algum problema ou doença renal. Poderão indiciar a presença de pedras nos rins ou mesmo um cancro na área. Serão eventualmente também sintomas da dor muscular, infecções localizadas ou resultado de lesões musculares ou ao nível dos discos vertebrais.

Más posturas e desequilíbrios da coluna

Os maus hábitos posicionais que todos mantemos, pelo menos de vez em quando, senão regularmente, no nosso quotidiano são altamente prejudiciais para a nossa saúde em geral, afetando particularmente a região lombar. Essas más posturas causam desequilíbrios ao nível da coluna vertebral e, a médio e longo prazo, disfunções na estrutura dos ossos e dos músculos.

Problemas como a escoliose e a hipercifose poderão causar estas dores musculares lombares, fruto do mau posicionamento de vértebras ou de luxações nas costelas.

Mas há muitas outras causas possíveis para as dores musculares lombares, desde problema reumáticos, passando por doenças do estômago ou do fígado, algumas doenças congênitas ou até hérnias discais. Aquilo que verdadeiramente importa é que esteja atento ao seu corpo, para perceber antecipadamente os sinais, e que mantenha uma vida saudável.

Paz e Luz.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *