Rocky-Balboa-vencer

Vejo tantas pessoas insatisfeitas com sua vida, mas também enxergo um padrão em tudo isso.

As pessoas que estão sempre reclamando, insatisfeitas ou deprimidas com sua vida, seguem um padrão de “não dedicação”.

Falo da dedicação a um estudo, um ofício, o trabalho ou projeto.

Entra dia e sai dia, meses, anos e a pessoa segue o mesmo padrão!

Faz sempre a mesma coisa, desiste no meio do caminho…. Não acredita em seus sonhos e ideais.

No fim sobram as lamentações, sobra culpar alguém… Culpar o mundo!

Mas e a sua responsabilidade? E a sua dedicação?

Se você continuar tendo as mesmas atitudes que sempre teve, vai continuar obtendo os mesmos resultados que sempre obteve” .Isso significa que para obter novos resultados é preciso ter novas atitudes!

Certamente, muitas pessoas pensarão: “Ah, mas isso é óbvio!”

No entanto, fico impressionado com a quantidade de pessoas que tenho visto reclamando da situação em que se encontram, da vida que têm levado e das conquistas que gostariam de fazer e não conseguem…

reclamar-da-vida

Essas pessoas sofrem uma espécie de surdez, cegueira e mudez!
E mais! De certa forma, parecem estar com uma paralisia mental e espiritual.

Reclamam, reclamam e reclamam, mas não se arriscam a mudar absolutamente nada!

Continuam fazendo tudo igual, todos os dias, automaticamente, como se fossem máquinas, como se por trás dessas atitudes não houvesse uma nobre missão a ser cumprida, como se a vida fosse uma sequência de atitudes sem sentido e mecânica…

E, muitas vezes, não é por falta de recursos ou de sugestões.
Se a gente sugere um livro, dizem que não têm tempo.

Se a gente sugere um curso, dizem que não têm tempo ou não estão com ânimo, que estão cansadas ou até que acham uma bobagem…

Se a gente sugere um passeio ou um comportamento diferente, mostram-se desinteressadas ou, de repente, surgem vários compromissos do tipo: “tenho que fazer a unha”, “preciso visitar o túmulo do vizinho da minha tia”, “preciso pintar a minha casa de roxo porque disseram que dá sorte!”.

reclamando

Enfim, escuto as “desculpas” que essas pessoas arrumam com praticamente o mesmo peso que as desculpas acima…

Vou ser sincero aqui…

A culpa é toda sua!

Para você que pensa que  tudo é difícil e passa seus dias reclamando de tudo e nada faz para mudar, para conquistar o que deseja (ou o que nem sabem que deseja, pois estão sempre mais interessadas em falar daquilo que não desejam mais!).

Aproveito então para sugerir em bom tom, que se você não está satisfeito com a vida que tem levado, se deseja realmente mudar, melhorar, tornar-se uma pessoa mais feliz, integral, que você comece a agir de modo diferente hoje!

Não sabe como?

Então olhe para sua vida! Você está satisfeito? Tem tudo o que deseja?

Comece a listar tudo o que deixou de fazer na sua vida!

Uma graduação, uma especialização, um curso, uma viagem…

Sinta de forma sincera tudo o que deixou para traz!

Procure a mudança!

feliz-mudança

Leia, faça cursos, observe pessoas bem-sucedidas, procure uma terapia (existem muitas), enfim, pare de reclamar com suas frustrações e saiba, de uma vez por todas, que as mudanças em sua vida dependem de você.

Você é o único responsável por ela!

Vencer, perder…. Ser feliz ou infeliz…
Mude suas atitudes hoje!

Acredite: somos a soma de nossas ações…

Paz e Luz.

Se você pensa que pode ou se pensa que não pode, de qualquer forma você está certo.
– Henry Ford –

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *